domingo, 25 de janeiro de 2009

Novo episódio do Hubblecast: o que virá a seguir?

A entrada Hubblecast: vídeocast do telescópio espacial Hubble foi actualizada com mais um vídeo:

Episódio 25: O que virá a seguir? (no YouTube ou no arquivo do sítio web do Hubble) (adicionado ao YouTube a 20 de Fevereiro de 2009).

Os diversos tipos de telescópios são janelas prodigiosas para as profundezas do universo. Mas qual é o futuro neste domínio?

No Chile vai construir-se o Telescópio Gigante de Magalhães (Giant Magellan Telescope) no Observatório Las Campanas. Poder-se-á ver objectos cuja luminosidade seja quatro vezes menor do que o limiar de observação actual.

O Telescópio de Trinta Metros (Californian Thirty Meter Telescope), planeado para 2015, será uma versão gigante do Observatório Keck no Mauna Kea no Havai.

Na Europa está planeado o Telescópio Europeu Extremamente Grande (European Extremely Large Telescope) com um espelho de 42 metros de diâmetro e com uma área semelhante à de uma piscina olímpica.

No domínio da radioastronomia o sistema LOFAR (Rede de Baixa Frequência - Low Frequency Array -) está a ser construído na Holanda. A interconexão de um conjunto de grandes antenas equivalerá a uma área de recepção de ondas rádio de cerca de um quilómetro quadrado.

E telescópios no espaço?
Teremos o Telescópio Espacial James Webb, um observatório no infravermelho, sete vezes mais sensível do que o Hubble, que orbitará o Sol e não a Terra.

Sem comentários:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails