domingo, 21 de dezembro de 2008

Astronomia IrreleVante: hidrocarbonetos aromáticos policíclicos

Este é um vídeo incluído na série IRrelevant Astronomy ("Astronomia IrreleVante" - para feed deste videocast clique aqui -) que, por sua vez, faz parte da colecção de vídeos do serviço educativo do Telescópio Espacial Spitzer da NASA (os mesmo vídeos podem ser encontrados nos canais SpitzerJim e SpitzerScienceCenter do YouTube). Os vídeos desta série pretendem transmitir notícias do mundo da ciência e da astronomia com algum humor como é bem patente neste episódio do RATS: Robot Astronomy Talk Show (Talk Show Robótico de Astronomia): Episódio 1: Asteróides; Episódio 2: Água no universo; Episódio 3: Estrelas bebés; Episódio 4: Omega Centauri; Episódio 5: Blocos básicos da vida; Episódio 6: Esculpir com estrelas.

Os hidrocarbonetos aromáticos policíclicos (HAP ou PAH do inglês Polycyclic Aromatic Hydrocarbons) são compostos químicos constituídos por anéis aromáticos fundidos nos quais não existem heteroátomos. Para além de existirem nos derivados do petróleo e no carvão encontraram-se no espaço interestelar, em cometas e em meteoritos.

Este tipo de moléculas são um dos candidatos para a origem da vida na Terra: hipótese, ainda não confirmada, proposta por Simon Nicholas Platts (Geophysical Laboratory,
Carnegie Institution of Washington) em 2005. Neste cenário, os HAP constituem os percursores de um mundo pré-ARN, estando este último na base das primeiras formas de vida na Terra.

Três exemplos de hidrocarbonetos aromáticos policíclicos: benz[e]acefenantrileno, pireno e dibenz[a,h]antraceno; Fonte: Wikimedia Commons; Domínio Público


Legendas adicionadas a vídeo do canal SpitzerJim do YouTube:



Mensagens relacionadas deste blogue:

Sem comentários:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails