terça-feira, 24 de junho de 2008

Por que é que não faz o seu arco-íris quando lhe apetece?

Quais são as condições para poder observar um arco-íris? Será que esta questão pode ter algum interesse. Depende do que se pretende. Se quiser fotografar um bom arco-íris talvez possa ser útil conhecer alguma da ciência que permite interpretar a sua formação.

Para perguntas difíceis, Robert Krampf surpreende-nos com respostas divertidas e simples. Uma imagem pode ajudar-nos a perceber sobretudo quando contextualizada por um excelente comunicador.

A reflexão total e a refracção da luz nas gotas de água origina um arco-íris, Licença GNU de Documentação Livre


A luz sofre uma refracção inicial quando penetra na superfície da gota de chuva. Dentro da gota a luz é reflectida (reflexão interna total), e finalmente volta a sofrer refracção ao sair da gota. Diferentes cores (comprimentos de onda) são desviados de diferentes ângulos o que vai originar a dispersão da luz branca nas cores do arco-íris. Para perceber melhor este fenómeno pode utilizar esta applet de Pascal Renault (ver aqui lista de applets deste autor).

Legendas adicionadas a vídeo do canal RobertKrampf no YouTube, recorrendo ao serviço overstream:



O professor Robert Krampf disponibiliza pequenos vídeos divertidos em diversos sítios de partilha de vídeos: YouTube, metacafe, Revver, Dailymotion, blip.tv e Brightcove.tv.

Mensagens relacionadas deste blogue:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails