sexta-feira, 4 de abril de 2008

Novo episódio do Hubblecast: Descoberta de um Buraco Negro em Omega Centauri

A entrada Hubblecast: vídeocast do telescópio espacial Hubble foi actualizada com mais um vídeo:

Episódio 15: Descoberta de um Buraco Negro em Omega Centauri (no YouTube ou no arquivo do sítio web do Hubble) (adicionado ao YouTube a 2 de Abril de 2008).

Há muito tempo que o enxame globular Omega Centauri (o maior e o mais brilhante no céu) é um enigma para os astrónomos. Observações recentes do Telescópio Espacial Hubble e do Observatório Gemini forneceram uma explicação surpreendente das peculiaridades deste suposto enxame globular: um buraco negro, de massa intermédia, escondido no seu centro.

É bastante provável que afinal Omega Centauri, a 17 000 anos-luz da Terra, não seja um enxame globular mas antes uma galáxia anã com um buraco negro no seu centro com cerca de 40 000 massas solares.

Constelação de Centaurus onde se localiza Omega Centauri

Imagem criada por A. Fujii, Domínio Público


Este é um bom exemplo da evolução da ciência: há cerca de 2000 anos, Ptolomeu classificou-o como uma estrela; Edmond Halley considerou, em 1677, tratar-se de uma nebulosa; por volta dos anos 30 do século XIX, John Herschel reconheceu tratar-se de um enxame globular; agora as observações sugerem tratar-se de uma galáxia anã.

Sem comentários:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails