sábado, 9 de fevereiro de 2008

ITER: criar uma estrela dentro de um donut

Reconstrução da legendagem de um vídeo divulgado numa entrada anterior deste blogue (15 de Junho de 2007).

As estrelas obtêm a sua energia a partir de reacções de fusão nuclear.
Será o homem capaz de produzir e controlar este tipo de reacções?
ITER (acrónimo de International Thermonuclear Experimental Reactor) é um megaprojecto internacional que visa demonstrar a viabilidade de um reactor de fusão nuclear. Será que a resolução dos problemas resultantes do esgotamento dos combustíveis fósseis passará pela fusão nuclear?

O ITER vai ser construído em Cadarache, França, a partir de 2008. O reactor começará a ser montado a partir de 2011. O plasma terá que ser aquecido até que se atinja a temperatura necessária para que se mantenha a si mesmo (plasma auto-sustentável) e de modo a que as reacções de fusão garantam um balanço positivo de energia (o plasma deverá fornecer mais energia do que a que é gasta para o activar e manter). Poderá ser possível avançar na tentativa de resolução do problema enunciado por Pierre-Gilles de Gennes (Prémio Nobel da Física, 1991): "Dizemos que vamos colocar o Sol dentro de uma caixa. Esta ideia é bela. O problema é que não sabemos como construir essa caixa."

Corte do Tokomak do ITER,
imagem criada pelo Departamento de Energia dos EUA, Domínio Público

Mais informação sobre este programa pode ser obtida no sítio oficial do projecto: ITER.

Legendas adicionadas, recorrendo ao serviço overstream, a vídeo disponibilizado pelo YouTuber electracer (clone do vídeo promocional do projecto ITER):


Mensagens relacionadas deste blogue:

Sem comentários:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails